UM ESTUDO SOBRE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL APLICADO AO DESCARTE DOS RESÍDUOS SÓLIDOS NO MUNICÍPIO DE JABOTICABAL-SP

Autores

Palavras-chave:

Educação Ambiental, Consciência Ambiental, Resíduos Sólidos

Resumo

O presente trabalho discute a temática da Educação Ambiental, aplicado à visão de meio ambiente dos moradores da cidade de Jaboticabal-SP. Contextualiza-se o atual panorama do campo ambiental brasileiro, correlacionando-o as respostas de um questionário aplicado de forma aleatória junto aos cidadãos. Os resultados obtidos demonstram alguns fatores associados ao descarte irregular de resíduos. Identifica-se um baixo conhecimento dos entrevistados com relação à temática, por outro lado, observa-se preocupados com o meio ambiente, com o excesso de resíduos produzidos, com a coleta de materiais recicláveis e doenças ocasionadas pelo rejeito dos resíduos. Contudo, a falta de ações ambientais corretas inibe o morador a tomar atitudes que possam contribuir com a sustentabilidade da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BAUMAN, Z. Vida para o consumo: a transformação das pessoas em mercadoria. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2008. 199p.

BRASIL. Lei N° 12.305 de 02 de agosto de 2010 - Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).

_____. Lei n o 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 28 de abr. de 1999.

_____.[Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm>. Acesso em: 28 jul. 2020.

CAPRA, F. A teia da vida: uma nova compreensão científica dos sistemas vivos. São Paulo: Cultrix, 1996. 256 p.

CETESB. COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO. Inventário estadual de resíduos sólidos urbanos. 2019.[recurso eletrônico].SãoPaulo:CETESB,2020.Disponível em:<https://cetesb.sp.gov.br/residuossolidos/publicacoes-e-relatorios/> Acesso em: 27 jul. 2020.

FURLAN, C. A.; SANTOS, V. A.; RICARDA, M. C; ESPOLADOR, T. R. C.R; DUBUC, A. M. Educação ambiental para o Desenvolvimento Sustentável. Revista de Ciências Jurídicas e Empresarias, Londrina, v. 11, n.2, p. 87-94, Set. 2010.

GARCIA FILHO, B. F. Concepções e práticas da educação ambiental no ensino fundamental II das escolas estaduais de Jaboticabal - SP. 2015. 85 f. Dissertação (Mestrado em Sustentabilidade na Gestão Ambiental). Universidade Federal de São Carlos – Campus Sorocaba, Sorocaba, 2015.

GUIMARÃES, M. A Dimensão Ambiental na Educação. 2. ed. Campinas, SP: Papirus, 1995.

IBGE. INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Censo demográfico: população estimada. 2019. Disponível em: < https://cidades.ibge.gov.br/brasil/sp/jaboticabal/panorama> Acesso em: 04 de jul. de 2020.

JABOTICABAL. Prefeitura Municipal. Perfil do município de Jaboticabal, SP/Atlas do desenvolvimento humano no Brasil. 2013. Disponível em: . Acesso em: 20 maio 2020.

JACOBI, P. R.; BESEN, G. R. Gestão de resíduos sólidos em São Paulo: desafios da sustentabilidade. Estudos avançados, v. 25, n. 71, p. 135-158, 2011.

JACOBI, P. R. Educação ambiental e cidadania. In: CASCINO, F.; JACOBI, P. R.; OLIVEIRA, J. F.. (org.). Educação, meio ambiente e cidadania. São Paulo: SMA/CEAM, 1998. 120p.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

LIMA, T. J. Aterro Sanitário de Jaboticabal é nota 10 pela quinta vez consecutiva. Portal JFonte. Jaboticabal, 29 de jul. de 2020. Disponível em: < https://portaljfonte.com.br/aterro-sanitario-de-jaboticabal-e-nota-10-pela-vez-consecutiva/> Acesso em: 03 ago. de 2020.

MARQUES, S. C. M.; RODRIGUES, M. R. Educação como conscientização em Paulo Freire. Revista de Ciências da Educação, p. 197-213, 2019.

REIGOTA, M. O que é educação ambiental. São Paulo: Brasiliense, 1994. 62 p. (Coleção primeiros passos).

REÚSA. Quantidade de recicláveis coletados mês a mês. Jaboticabal – SP, 2019.

SCHALCH, V.; LEITE, W. D. A.; FERNANDES JUNIOR, J. L.; CASTRO, M. C. A. A. Gestão e gerenciamento de resíduos sólidos. Universidade de São Carlos: Apostila, 2002. Disponível em: <http://www.falcoit.com.br/blog/images/easyblog_images/500/GESTAO-DE-RESIDUOS-SOLIDOS-2002.pdf> Acesso em: 21 jul. 2020.

TBILISI RECOMENDAÇÕES. I Conferência Intergovernamental sobre Educação Ambiental. Geórgia, ex-URSS, de, v. 14, 1977. Disponível: <https://www.mma.gov.br/informma/item/8065-recomenda%C3%A7%C3%B5es-de-tbilisi.html>- Acesso em: 25 de maio 2020.

Publicado

23/12/2020

Como Citar

BERLANDA DE LIMA GONILHA, D. .; FERNANDES GARCIA FILHO, B. UM ESTUDO SOBRE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL APLICADO AO DESCARTE DOS RESÍDUOS SÓLIDOS NO MUNICÍPIO DE JABOTICABAL-SP . Ciência & Tecnologia, [S. l.], v. 12, n. 1, p. 67-77, 2020. Disponível em: https://citec.fatecjab.edu.br/index.php/citec/article/view/89. Acesso em: 7 maio. 2021.

Edição

Seção

Ciências Ambientais.