ESTUDO SOBRE OS IMPACTOS DO USO DE FERRAMENTAS DE GESTÃO PARA A MELHORIA DA EFICIÊNCIA DOS ESTOQUES NA EMPRESA MANSERV

Autores

DOI:

https://doi.org/10.52138/citec.v13i1.185

Palavras-chave:

Sistema de Gestão de Estoques, Otimização de Processos, Gerenciamento de Estoques

Resumo

O gerenciamento de estoques é um fator essencial para o sucesso das organizações, este processo é difícil, e requer a necessidade de um estudo em relação ao planejamento e equilíbrio do estoque. Desta forma, o artigo teve como objetivo geral analisar a sistemática atual de gestão de estoque da organização, discutindo as práticas comumente adotadas bem como as características consideradas como as mais adequadas. De forma específica foi elaborado um plano de implantação de um sistema, visando o controle centralizado dos estoques e melhor gestão financeira. Para o desenvolvimento desse trabalho utilizou-se uma técnica de pesquisa exploratória, com o método descritivo, ao qual buscou-se investigar na literatura quais são as adequações necessárias para viabilizar a implantação do sistema. Dessa forma, o planejamento feito por meio do estudo deste trabalho consiguei determinar uma forma de monitoramento dos estoques, de modo que atenda às necessidades e esteja alinhado à estratégia da empresa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAÚJO, Jorge Sequeira de. Almoxarifados administração e organização. 9 ed. São Paulo: Ed. Atlas, 1987.

BALLOU, R. H. Gerenciamento da cadeia de suprimentos: logística empresarial. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

BASSO, Irani Paulo. Contabilidade Geral Básica. 4.ed. rev. Ijuí: Unijuí, 2011.

BORGES C. T.; CAMPOS S. M.; BORGES C. E. Implantação de um sistema para o controle de estoques em uma gráfica/editora de uma universidade. Revista Eletrônica Produção & Engenharia, v. 3, n. 1, p. 236-247, Jul./Dez. 2010.

BORGES, A.C.M. Curvas ABC geradas por um software de orçamentação de obras: análise dos dados obtidos e suas repercussões nas decisões quanto a custos e a gerência dos canteiros. In: 9° ENEGEP - Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Porto Alegre, Set. 1989, p.38-48.

ESPINAL, A. A. C.; MONTOYA, R. A. G.; ALZATE, J. A. S. Improvement of operations of picking and dispatch for a business in the mattress industry, supported by discrete simulation. Dyna, v. 79, 2012.

FRANCISCHINI, P. G.; GURGEL, F. A. Administração de materiais e do patrimônio. São Paulo: Pioneira Thomson, 2002.

LEONE, G. S. G. Custos: um enfoque administrativo. 13. ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2000.

MAHER, Michael. Contabilidade de custos: criando valor para a administração. São Paulo: Atlas, 2001.

MARTINS, P. G.; ALT, P. R. C. Administração de materiais e recursos patrimoniais. 3. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.

MOURA, R. A. Sistemas e Técnicas de Movimentação e Armazenagem de Materiais. 7. ed. São Paulo: IMAM, 2010.

NAKAGAWA, M. Gestão estratégica de custos: conceitos, sistemas e implementação. São Paulo: Atlas, 1991.

NIYAMA, J. K.; SILVA, C. A. T. Teoria da Contabilidade. São Paulo, Editora Atlas, 2011.

OLIVEIRA, Álvaro G., Contabilidade financeira para executivos. In: Correção Monetária dos Recursos Aplicados em Ativos não monetários; Estoques. 5ª Ed. Rio de Janeiro, 1999.

POZO, Hamilton. Administração de recursos materiais e patrimoniais: uma abordagem logística. 2 . ed. São Paulo: Atlas , 2002

SANTOS, J. J. dos. Análise de custos. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1990

SLACK, Nigel; CHAMBERS, Stuart; JOHNSTON, Robert. Administração da produção. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

VIANA, João José. Administração de materiais, São Paulo: Editora Atlas S.A, 2002.

Downloads

Publicado

20/12/2021

Como Citar

RUBIAN DE LIMA, C.; DE OLIVEIRA, R.; PEREIRA DE OLIVEIRA, T.; HENRIQUE LIXANDRÃO FERNANDO, P. ESTUDO SOBRE OS IMPACTOS DO USO DE FERRAMENTAS DE GESTÃO PARA A MELHORIA DA EFICIÊNCIA DOS ESTOQUES NA EMPRESA MANSERV. Ciência & Tecnologia, [S. l.], v. 13, n. 1, p. 56-68, 2021. DOI: 10.52138/citec.v13i1.185. Disponível em: https://citec.fatecjab.edu.br/index.php/citec/article/view/185. Acesso em: 28 jun. 2022.

Edição

Seção

Engenharias, Tecnologias e Gestão.